"A Esperança não é um Sonho, mas uma maneira de traduzir os sonhos em realidade" - Martin Luther King
Quarta-feira, 26 de Dezembro de 2007

O meu Natal foi assim...

É que me custou levantar hoje!!! Não sei porquê! Trabalhei na véspera de Natal e hoje também... sinto-me cansada. Não tenho o previlégio de poder gozar férias em Dezembro. Its socks!!!!

Enfim, este ano foi uma novidade pra mim. Em 29 anos, foi a 2ª vez que passei a noite da Consoada na minha terra. A 1ª nem conta porque a minha mãe estava hospitalizada por isso pra mim esta conta como sendo a 1ª vez.

Saí do trabalho numa correria pra poder chegar a horas decentes a casa dos meus sogros. Tive de fazer 3 vezes o percurso 6ª andar/ carro pra conseguir levar todos os presentes, a bebida e as sobremesas.

Quando lá cheguei, já havia troca de prendas... pera lá, já??? Eram 19h20!!!! Eu recusei dar e receber as minhas. Quer dizer na terra da minha mãe esperamos sempre até à meia noite, ou pelo menos por lá perto.

Mas, depois do tradicional jantar da Consoada, por volta das 21h30 dei-me por vencida... lá distribuí e abri os meus. Fiquei contente com os meus presentes, todos utéis e funcionais. Nada dessas macacadas que só apetece arrumar num canto.

Às 22h00 já os meus cunhados estavam com o fogo no rabo pra se porem na alheta, porque queriam ir tomar café com calma pra poderem estar na fogueira (que lá chamam madeiro) quando a acendessem...

Lá fui eu um pouco reticente, mas ao mesmo tempo entusiasmada, já que nunca tinha passado uma noite de Natal à volta da tradicional fogueira. Tinha muitas expectativas...

Acenderam a fogueira por volta das 23h15, à meia noite já estava farta de lá estar. Mas, entretanto o meu grupo de amigos foi chegando bem como o meu maridinho que trabalhou até às 24h00, coitado dele e de mim) e as horas foram passando com boas conversas, risadas, vinho do porto e moscatel a acompanhar.... Desta vez não queimei muitos neurónios com o álcool!!!!!

Ontem fomos até à outra terra, a da minha mãe, a que me é familiar no Natal... Lá estava o people todo: pais, irmã, tios, primos, avós... abraços, beijos, mais prendas, muita confusão e muita satisfação da minha parte.

O balanço foi positivo, mas as borbulhas que hoje tenho na cara são sinónimo de excesso de chocolate e outras porcarias.

 

 

sinto-me: felizarda
tags: ,
publicado por Princesa às 20:55

link do post | pode comentar | favorito

.Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.minha história

.histórias recentes

. O meu Natal foi assim...

.histórias passadas

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.pesquisar histórias

 

.tags

. todas as tags

.links